Diário de adolescente

[singlepic id=260 w=320 h=240 float=]

Você certamente quando era adolescente vivia as voltas com o seu diário. Aquele caderno que você contava tudo o que acontecia durante o dia, seus sonhos, angústias, desejos. Escrevia no diário todos os segredos que ninguém podia saber. Mas não pense que esse hábito morreu. As meninas de hoje em dia ainda preservam e criam diários. Pode ser que seja de um jeito diferente do que você fazia, mas quase toda menina tem o seu diário.

Na verdade o diário de papel tem sido deixado um pouco de lado e os blogs têm entrado em cena. Na verdade um blog nada mais é do que um diário virtual, a diferença é que todos podem ler o que é escrito. Mas ainda há meninas que preferem não detalhar cada passo da vida, nem contar segredos na rede mundial. Para essas adolescentes, o diário de papel ainda é o melhor amigo.

As adolescentes começam a escrever os diários como uma válvula de escape, já que não são todas elas que tem amigas que possam confiar ou não gostam de sair contando os segredos para todo mundo. Geralmente o diário começa contando a vida da adolescente, e mais tarde ele fica repleto de pensamentos, ideias, sonhos e angústias. A rotina é deixada um pouco de lado e o caderno serve como uma fonte de desabafos.

E não pense que há idade para começar ou largar o diário. Geralmente as meninas começam em torno dos sete anos, idade em que aprendem a escrever e vão até quando quiserem, sem idade limite. O diário é um local de refugio, onde a pessoa se sente segura de escrever tudo o que sente, sem medo ou preocupações; e é por isso mesmo que o diário é intimo e guardado a sete chaves. Não há nada mais desagradável do que alguém ler o que você escreveu sem permissão. Por isso, você como mãe não deve nunca bisbilhotar no diário da sua filha. É algo muito intimo, se ela quiser que você leia, ela deixará você ler.

As vezes é por esse mesmo motivo que as adolescentes não trocam a segurança das agendas de papel pelos caracteres da internet. Os segredos são apenas para as amigas mais intimas e odiário. Ter a vida exposta para uma rede que milhões de pessoas possam ler incomoda muito as adolescentes.

A vantagem do diário é que a adolescente pode compartilhar os textos com quem ela quiser e o melhor de tudo: pode ler o que escreveu a qualquer momento. Os momentos importantes ali registrados ficam para sempre, e é importante que a adolescente olhe para trás e veja tudo o que já vivenciou. E quem sabe, porque não, virar um livro de memórias que será lido por netos, sobrinhos e as gerações futuras?

Para além de escrever no diário, muitas começaram a se dedicar ao scrapbooking que é também parecido com o diário, mas que muitas vezes serve para  repassar entre as amigas para que cada uma delas deixe um poema ou uma mensagem de recordação.

O diário pode mostrar o quanto uma adolescente consegue amadurecer e evoluir em pouco tempo. Cada passagem difícil, alegre ou triste que está no diário demonstra uma fase da vida dela e é um ponto de passagem para o amadurecimento e para a formação dela como adulta.

Veja como fazer um diário em: Pritt World

Via: Portalis

Mais coisinhas para crianças:


Comments

comments

Powered by Facebook Comments

2 thoughts on “Diário de adolescente

  1. “AMEIAMEIAMEI” a partir de agfora eu vou dar + atençao ao meu diario para q um dia eu olhe para as paginas + antigas e aprecie cxada segredinho,paquera e td o houve na minha adolecencia fazendo com q essa memoria nao se apague nunca

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>